Vitor Paulo defende maior capacitação dos professores

“Interessante perceber que as discussões em torno da Educação sempre pairam em torno de recursos, principalmente os financeiros”. Essa crítica foi elencada pelo deputado federal Vitor Paulo em pronunciamento na Câmara. O parlamentar cobrou mais atenção no que tange ao conteúdo programático dos currículos do ensino fundamental, médio e universitário, além de uma melhor capacitação dos docentes.

No Brasil, o currículo nacional de educação é pouco especificado e os professores são mal formados. “As diretrizes curriculares não definem o que deve ser ensinado. Tudo está muito aberto e as responsabilidades recaem sobre os professores. Atualmente, 30% dos matriculados em cursos de formação de professores realizam atividades exclusivamente por meio de ensino à distância. Assim, esperar que professores com pouco domínio de conteúdo possam definir e ensinar conteúdos com autonomia total é devaneio”, avaliou.

Para o parlamentar, o currículo por si não garante a melhoria da qualidade da Educação, e sua definição não vai trazer impacto imediato se não vier acompanhada de sua execução, o que envolve a capacitação dos professores para realizar as técnicas preconizadas. “Um bom começo é apostar em professores bem formados e orientados por um currículo nacional mínimo”, finalizou.

Texto e foto: Laize Andrade


Leia mais 

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: