Veja o que disse o prefeito Rodrigo Abreu Estrutural

Manifestação na porta da Administração da Cidade Estrutural




Maria do Socorro PT

O sindicato dos rodoviários de Brasília fez um manifesto em frente a Administração da Estrutural cobrando da Administradora Maria do Socorro Torquato PT a promessa que ela fez aos funcionários de transportes que se encontram lesados com infraestrutura básica como colocar água, bebedouro, banheiro em fim… Todo que o Partido dos Trabalhadores cobrava nos governos passados e agora faz pior.

Sabe o que aconteceu?

Os funcionários elevaram o tom de descaso gritando socorro que estava sofrendo sem beber, a água da torneira estava cortada por que a Administração não pagou as taxas talvez deixando as dívidas para o próximo Governo.

Saiba mais.

O Presidente da feira cobrava taxas abusivas para usar um banheiro público que segundo os funcionários de transportes discursou e que a Administradora tinha ciência dos fatos que estava acontecendo.

Nessa manifestação foi questionado que Maria do Socorro prometeu boas condições aos funcionários, mas quando houve a manifestação ela não teve diálogo com os manifestantes, apenas sai em seu carro fazendo de conta que nada estava acontecendo.

Mas os rodoviários deram o troco em Praça Pública ´´ – Ela não tem competência! A sua saída neste carro é para pedir ajuda de alguém que lhe ajude lhe defender da tal situação que ela não sabe dar a solução para o problema que ela causou. -Disseram os rodoviários no carro de som.

Neste ano tudo indica que haverá uma Audiência Pública cobrando do Governo do PT e dar Administradora todas as obras que ainda não foram executadas e as promessas que foram gravadas no Seminário, ‘’Qualidade de Vida, Começa Aqui’’.

Só lembrando. As Escrituras ainda não saíram, o povo tem esperança de sair até o final do ano que é uma das promessas que será palco para políticos que concorrerá às eleições de 2014.

Blog do Rodrigo Abreu 

http://rodrigoabreupdt.blogspot.com.br/

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: