UnB terá RUs em Ceilândia, Gama e Água Limpa

A Universidade de Brasília finalizou processo licitatório para contrato de serviços de alimentação. O documento, assinado no último dia 8, estabelece um novo modelo de terceirização. Agora, a instituição deixa de contratar o abastecimento de alimentos, maquinário e fornecimento de mão de obra e passa a contratar o serviço de fornecimento de refeições. Outra novidade será a implantação de Restaurantes Universitários (RUs) nas faculdades UnB Ceilândia (FCE), UnB Gama (FGA) e na Fazenda Água Limpa.

“A eficiência vai aumentar”, defende Ygraine Hartmann, diretora do Restaurante Universitário. De acordo com a servidora, o novo acordo vai garantir melhor atendimento aos usuários, já que a empresa tem mais facilidade para contratar fornecedores e substituir materiais. “Uma vez, ficamos dois anos para consertar um liquidificador”, comenta.

Os valores gastos pela universidade também serão reduzidos. O custo da refeição no ano de 2012 foi de R$ 16,46. Com a nova modalidade de contrato, a empresa passará a fornecer a mesma alimentação a R$ 6,28 para o café da manhã, e R$ 9,89 para o almoço e jantar no campus Darcy Ribeiro. Uma redução de 61,9% no caso do café da manhã. Para o usuário, os preços se mantém.
A empresa contratada vai abastecer todos os restaurantes. “Teremos o mesmo cardápio em todos os campi”, conta Ygraine. A novidade era aguardada com ansiedade pela comunidade da FGA. Para conseguir uma refeição a um preço acessível, os universitários utilizavam um ônibus da UnB para ir ao restaurante comunitário do GDF. “O RU vai ser importante para todo mundo, pois teremos uma alimentação de qualidade e um espaço para integração”, garante Alessandro Borges, diretor da FGA.

Inicialmente, os restaurantes vão funcionar nos prédios do Módulo de Serviços e Equipamentos Esportivos (MESP), presentes na FGA e na FCE. “Para nós, havia uma expectativa muito grande, pois já devíamos ter recebido o prédio pronto desde o mês passado. Agora já estamos com o mobiliário e vamos começar a instalá-lo”, conta Diana Lucia Pinho, diretora da FCE.

A professora ainda comemora a contratação de uma terceira lanchonete, que também vai funcionar no MESP. “Nós temos uma média de 2,5 mil pessoas que circulam pela FCE diariamente, a comunidade cresceu muito e existia um desconforto por falta de um espaço adequado para a alimentação”, declara.

A nova empresa inicia suas atividades no RU do Darcy Ribeiro e fazenda Água Limpa nesta segunda-feira (25). Nos campi de Ceilândia e Gama serão necessárias algumas adequações nas instalações para iniciar o fornecimento de refeições. A previsão é que os estudantes possam utilizar o RU já no início das aulas do primeiro semestre de 2014, no dia 10 de março.

Fonte: UnB Agência

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: