Suspeito de matar colega em churrascaria na EPTG se apresenta à policia

Na tarde dessa quinta-feira (7) o autor do assassinato que aconteceu na tarde de ontem (6) em uma churrascaria na estrada parque Taguatinga (EPTG) se apresentou a policia. Segundo a delegada da 38ª DP (Vicente Pires) Tânia Soares, o advogado do autor  teria avisado por telefone que ele se entregaria. Já a DOE, Departamento de Operações Especiais da policia, afirma ter prendido o autor no alojamento de funcionários onde o suspeito morava, arrumando as malas.

De acordo com a delegada a discussão que levou o funcionário da churrascaria à morte, teria começado dois dias anteriores, quando a vitima teria recusado a ingerir bebida alcoólica. Na quarta-feira (6) durante o almoço de funcionários a vítima se recusou a cumprimentar o autor do crime.  A atitude levou o autor a enfiar uma faca no pescoço e no peito da vítima.
Em depoimento o autor disse que teria matado por medo dos olhares da vítima.

 
De acordo com a delegada o suspieto, não vai ficar preso porque é réu primário e se entregou expontaneamente à polícia. Ele vai ser indiciado por homicídio duplamente qualificadopor motivo fútil e por não dar chances de defesa para a vítima. Se condenado, ele pode pegar de 10 a 30 anos de prisão.



Fonte: Da redação do clicabrasilia.com.br

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: