Só no DF houve aumento de mortes

Segundo a PRF, foram quatro a mais que em 2012 durante o fim do ano

Por: Daniel Cardozo

Como é de costume, as estradas do Distrito Federal ficaram bastante movimentadas durante o período de festividades de fim de ano. Também foram constatadas muitas irregularidades. O Detran e a Polícia Rodoviária Federal flagraram 286 motoristas dirigindo embriagados, de um total de 17.927 autuações desde 6 de dezembro. Nas rodovias federais que cortam o DF, foram registradas 129 acidentes, com 13 mortes, quatro a mais que no ano passado, e 122 feridos.

A operação Mega Cerco, do Detran-DF, recolheu 949 veículos e registrou 17 ocorrências policiais. Entre elas, os agentes abordaram dois condutores alcoolizados no dia primeiro dia deste ano. Um deles, tentou fugir. Ao ser pego, foi constatado que ele estava com a habilitação vencida. Foram fiscalizados 62.111 veículos, durante os 27 dias do levantamento.

Monitoramento

Para garantir a segurança nas vias durante o Réveillon, o Detran fez cerca de 70 operações na noite do dia 31 de dezembro, sendo 24 pontos de presença de viatura, 48 operações de patrulhamento e abordagem, e pelo menos quatro blitze. O trabalho contou ainda com uma aeronave que fez o monitoramento aéreo do trânsito. O policiamento ocorreu em pontos estratégicos: nas entradas das cidades e principalmente, em locais próximos a festas e eventos.

A Polícia Rodoviária Federal registrou nas rodovias do DF o mesmo número de acidentes do feriadão entre 2012 e 2013, 129, e queda de no número de feridos, já que ano passado, houve 136 vítimas de colisões. Os agentes da PRF fiscalizaram um total de 2.244 veículos, registraram 765 autos de infração, além de terem sido responsáveis por flagrar 21 motoristas embriagados.

Na manhã de ontem, a PRF chegou a divulgar um aumento no número de acidentes, que teriam chegado a 144, mas os dados foram revistos e o índice foi fixado em 129, o mesmo registrado nos feriados do fim do ano passado.

Segundo a PRF, 92% dos acidentes foram causados por imprudência. Os que provocaram mais óbitos foram colisão frontal; saída de pista; atropelamento de pessoa e capotamento. 

Saiba mais

As BRs que cortam o DF que mais registraram acidentes foram a 060 e a 020.

Na BR-040, porém, próximo ao estado de Minas Gerais, uma família de Brasília morreu em um acidente de carro. Três automóveis colidiram e todos eles pegaram fogo.

No recesso de Natal também houve número expressivo de acidentes. Foram cinco óbitos em pelo menos dois acidentes na BR-060.

Fonte: Da redação do Jornal de Brasília

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: