Sem suporte neonatal, hospital usa garrafas pet como máscaras e bebê morre

Sem suporte neonatal, hospital usa garrafas pet como máscaras e bebê morre20150717160926420597u

Menina prematura era gêmea de outro bebê, que teve alta do Hospital do Município de Jutaí, a 751 km de Manaus

Uma recém-nascida morreu e outro bebê está internado após o Hospital do Município de Jutaí, a 751 quilômetros de Manaus, improvisar garrafas pet como máscaras de oxigênio. Filhos da dona de casa Francisca Neres, de 20 anos, o casal de gêmeos nasceu prematuro, na madrugada da última quinta-feira (28/1). Sem o devido suporte neonatal, a menina morreu 10 horas após o parto.

O menino Gabriel sobreviveu e teve alta do hospital no domingo (31/1), mas retornou durante a noite e foi internado. Na tarde de segunda-feira (1º/2), o bebê foi transportado para Manaus por uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) aérea. Na capital, ele foi encaminhado à Unidade de Cuidados Intensivos Neonatais da Maternidade Ana Braga.

Irmão de Francisca, o cabeleireiro Raimundo Neres, de 23 anos, que reside na capital, informou que a mãe estava preocupada com a saúde do menino. “Ele passou mal no domingo e todos ficaram desesperados para trazê-lo a Manaus. Deram alta para a criança e, depois, querem colocar a culpa na família”, protestou o tio das vítimas.

Acionada pela Secretaria Estadual de Saúde (Susam), ainda no fim de semana, a direção do Hospital de Jutaí informou que “os gêmeos nasceram de 7 meses e que a menina tinha um quadro pulmonar mais debilitado.

Mesmo tendo sido submetida aos mesmos procedimentos que o irmão, ela não resistiu por causa do quadro de infecção respiratória aguda de etiologia alveolar, ocasionada por síndrome de membrana hialina, principal complicação de prematuridade.”

A direção destacou ainda que “a falta da máscara de venturi – que não estava disponível na unidade e que foi substituída pelo material improvisado de garrafa PET – não teria contribuído para o óbito do bebê.”

De acordo com a secretaria, “as circunstâncias do atendimento estão sendo apuradas, para as medidas cabíveis, além das providências imediatas já adotadas”. A Susam informou ainda que o médico que realizou o procedimento é contratado pela prefeitura de Jutaí.]

About Germano Guedes

Olá Pessoal,
Sou Germano Guedes, criador do site “a politica e o poder”.
Baiano, morador da Estrutural desde 99, cheguei a Capital Federal para tentar a vida como milhares de outras pessoas.
Ao chegar na Estrutural, começei a participar de discussões que visavam a melhoria da qualidade de vida na Cidade. Vi que alguns grupos já formados, ” monopolizavam” os moradores e inclusive, a informação que chegava até a comunidade.
Nessa condição, resolvi criar um blog – meio que possibilitaria levar informação as pessoas. Neste canal, soltei o verbo e começei a dizer o que eu realmente pensava sobre o que acontecia na Estrutural.
Abordei vários assuntos polêmicos, revelei notícias “bombas” e muitas vezes, tive que desmascarar grupos organizados que não pensavam no interesse da população – como diz o ditado ” era só venha a nós” e a população que se vire.
Como Prefeito Comunitário pude participar mais ativamente das ações políticas que discutiam a Estrutural. Lixão, instalação de creches, reabertura de escolas e a regularização de alvará dos comerciantes eram algumas de nossas reivindicações.
No ano de 2014, fui indicado pelo meu Partido – PRB – a vaga de administrador da Cidade.
Continuo abastecendo o site com notícias e assuntos polêmicos, dizendo realmente o que penso. Porém, agora somos uma equipe e ” A Política e o Poder”, além de abordar assuntos correlatos à Estrutural, terá uma discussão voltada para todo o Distrito Federal, garantido informação e notícias exclusivas a todos os brasilienses que nos acompanham.

%d blogueiros gostam disto: