Restaurante Comunitário de Brazlândia fechado: Liliane Roriz pede explicações

  A deputada distrital Liliane Roriz cobrou da Secretaria de Desenvolvimento Social o motivo pelo qual o restaurante comunitário de Brazlândia está fechado desde o dia 30 de dezembro. A distrital, que é filha do criador do projeto, o ex-governador Joaquim Roriz, tomou conhecimento da denúncia (leia aqui) pelo blog Rádio Corredor. Para Liliane, nada justifica o fechamento temporário de um local onde muita gente depende do serviço, que cobra R$ 1 por refeição.

Por lei, o secretário da Sedest , Daneil Siedel terá até 30 dias para justificar o ato, sob pena de responder por crime de responsabilidade.

Fonte: Redação


About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: