Quase 40% da população do Entorno não têm ensino fundamental completo


Dado é de pesquisa da Codeplan divulgada nesta quinta-feira



    Águas Lindas (foto), Luziânia e Valparaíso, juntos, representam 50,73% da região metropolitana do DFReprodução / TV Record Brasília
A Codeplan (Companhia de Planejamento do Distrito Federal) divulgou nesta quarta-feira (18) a primeira PMAD (Pesquisa Metropolitana por Amostra de Domicílio), com o perfil socioeconômico da população da Área Metropolitana de Brasília. O presidente da companhia, Júlio Miragaya, comemorou a conclusão da pesquisa e disse que o relatório será entregue às 12 prefeituras da Região Metropolitana de Brasília.
A PMAD considerou apenas as áreas urbanas. Ao todo, esses locais têm 1.071.583 habitantes. Desses, 50,88 são mulheres, ou seja, para cada 100 mulheres, há 96,54 homens. Os três municípios mais populosos da região são: Águas Lindas (197.200 habitantes), Luziânia (177.501 habitantes) e Valparaíso (168.961 habitantes). Os três municípios, juntos, representam 50,73% da região metropolitana.
Mais de 70% da população têm menos de 39 anos. Os idosos representam apenas 8,34% dos habitantes. Somente 30% da população são do estado de Goiás. Cerca de 40% dos migrantes são naturais do DF.
A pesquisa revelou, ainda, índices alarmantes nas áreas de Educação e Saúde. A taxa de analfabetismo chega a 5,45%, além dos 38,89% que não têm o ensino fundamental completo. Apenas 8,4% da população têm nível superior, completo ou incompleto. Outro fato preocupante é que quase 63 mil crianças menores de seis anos estão fora da escola.
Enquanto um terço da população busca os hospitais do Distrito Federal para realizarem seus tratamentos, menos de 0,3% utilizam os serviços ofertados em Goiânia, Anápolis e outros centros do estado vizinho. Quase toda a população do Novo Gama (92,58%) utiliza os serviços de saúde do DF. Moradores de Águas Lindas (58,75%) e Valparaíso de Goiás (23,09%) também recorrem aos serviços de saúde da capital do país.
A renda domiciliar média mensal dos municípios é de três salários mínimos, ou seja, um pouco mais de R$ 2 mil. A renda per capita média é de R$ 703 mensais. 


Itens avaliados 

A pesquisa avaliou os seguintes itens: caracterização da população urbana; migração; educação; saúde e benefício social; segurança; trabalho e rendimento; posse de bens e locais de compra; aspectos culturais, esportivos e turísticos; características dos domicílios; infraestrutura domiciliar; e características do responsável pelo domicílio.
A pesquisa foi aplicada em: Águas Lindas de Goiás, Alexânia, Cidade Ocidental, Cristalina, Cocalzinho de Goiás, Formosa, Luziânia, Novo Gama, Padre Bernardo, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto e Valparaíso de Goiás.
Fonte: R7.com

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: