Quadra de Esportes da Discórdia Moradores tentam barrar reforma de quadra em área nobre de Brasília


Quadra de Esportes da Discórdia
Moradores tentam barrar reforma de quadra em área nobre de Brasília

Receio é que jogos de futebol tirem o sossego dos condôminos, diz porteiro. Administrador disse que quadra fica em área pública e que obra será feita.

Quadra esportiva em área pública e vizinha à quadra 104, no Sudoeste (Foto: Isabella Formiga/G1 DF)

Moradores de um prédio na quadra da 104 do Sudoeste, em Brasília, pediram à administração regional a suspensão da reforma de uma quadra de esportes instalada ao lado do edifício. Segundo o administrador em exercício da região, Fernando Gustavo, os condôminos alegam que a prática de esportes no espaço, que fica em área pública, vai causar barulho e gerar incômodo. …

“A alegação deles era que se reformasse a quadra e ficasse boa para a prática de esportes, outros moradores poderiam jogar futebol e incomodar o sossego deles. Pegou a gente de suspresa”, disse o administrador.

O G1 esteve no local mas não conseguiu contato com a síndica do condomínio. Um funcionário do prédio disse que quando a quadra ainda era utilizada, era frequente que os jogos se estendessem até tarde da noite. Ele disse também que o parque infantil, que fica ao lado da quadra, era utilizado como ponto de espera pelos jogadores entre uma partida e outra. Segundo ele, a movimentação danificava o gramado e os brinquedos, mantido pelos condôminos.

Segundo Fernando Gustavo, a obra de revitalização da quadra esportiva teve início na semana passada, quando ele foi surpreendido com o pedido de interrupção dos reparos pelos moradores.

“Alguns moradores se manifestaram contra a reforma, até pegou a gente de suspresa”, disse. “Eu já estava pronto para explicar que eles poderiam ficar tranquilos, porque a obra já ia começar, quando eles me disseram que eram contra. Foi na contramão de tudo que estamos acostumados a ver.”

Nesta quarta-feira, moradores do prédio vão se reunir em assembleia para decidir se prosseguem ou não com o pedido de interrupção da obra. O administrador afirmou que os reparos na quadra serão concluídos, porque a obra já foi paga.

“A obra vai ser concluída porque a gente entende que o interesse público é constitucional e tem que prevalecer sobre o interesse particular”, disse.

“A quadra vai beneficiar diversos blocos. Cada bloco tem entre 50 e 60 apartamentos. Então, por conta de dois ou três moradores, por conta do sossego, vamos deixar o equipamento público deteriorando?”

O gestor disse que mesmo quando a quadra estava em más condições de uso, várias crianças brincavam no espaço. “Se uma delas se machuca, os pais vão querer responsabilizar o Estado”, disse. “Queremos trazer conforto e segurança.”

Fonte: Portal G1 DF – 21/01/2014

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: