PPCUB Pelo Facebook, Maria Elisa Costa rebate


Roriz não foi o responsável por agressões ao centro histórico da cidade.

“Não é verdade que o pai dela tenha agredido o Plano Piloto! Fiz parte do CAUMA, no governo José Aparecido e no governo Roriz, quando o CAUMA era deliberativo e Roriz sempre respeitou o Plano Piloto – o oposto do que está acontecendo agora”, escreveu.

Um debate acalorado nas redes sociais sobre o posicionamento da deputada distrital Liliane Roriz (PRTB) contra o PPCUB despertou a atenção da arquiteta Maria Elisa Costa. …

A distrital, que estava sendo criticada por lutar contra as ameaças ao tombamento sendo filha do ex-governador Joaquim Roriz, acabou sendo amparada pela filha de Lúcio Costa, autor do projeto original de Brasília. Pelo Facebook, Maria Elisa Costa rebateu as acusações de que Roriz seria o responsável por agressões ao centro histórico da cidade.

Liliane também defendeu-se ao afirmar que a luta contra o PPCUB está acima de qualquer questão política. “Minha história está sendo escrita agora e, por minha relação com Brasília, quero muito deixar registrado nela que lutei até o fim contra a adulteração do plano de Lúcio Costa, que tanto nos orgulha”, escreveu.

A filha de Lúcio Costa parabenizou a atuação da distrital e aderiu à campanha pelo arquivamento do PPCUB. “Esse PPCUB não tem que ser adiado, não: ele tem que ser completamente descartado. É tudo vegonhoso demais”, registrou ela.

Fonte: Edson Sombra / Redação – 06/12/2013
Página

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: