Polícia detém caseiro suspeito de assassinar pianista em Pirenópolis

Polícia detém caseiro suspeito de assassinar pianista em Pirenópolis O crime ocorreu em outubro de 2013 e a principal suspeita é de que Davi Mundinho da Silva, 39 anos, tenha cometido o crime para roubar a artista

Sandra tocou teclado em espaço da cidade goiana em comemoração ao Dia das Crianças; ao lado dela o caseiro Davi Mundinho

A Polícia Rodoviária Federal de Formosa (PRF) localizou, no início da tarde desta sexta-feira (14/2), o caseiro Davi Mundinho da Silva, 39 anos, suspeito de assassinar a pianista e professora de ioga Sandra Bosi Alencastro Veiga, 55 anos. Ela foi encontrada morta em 25 de outubro, com sinais de pedrada e estrangulamento, na chácara em que vivia, na zona rural de Pirenópolis.

Silva passava em frente a um posto da PRF quando foi abordado pelos policiais. De acordo com os policiais, ele se identificou com outro nome, mas logo descobriram que ele se tratava do caseiro foragido, com um mandato de prisão. O suspeito foi encaminhado à Polícia Civil de Formosa.

O crime
No dia do crime, um vizinho avistou pela janela que a artista estava nua, caída no chão e com sinais de estrangulamento e pedradas. No interior da chácara em que ela morava, policiais identificaram marcas de sangue no banheiro e no quarto da vítima, além de pegadas e roupas, que seriam do suspeito.


Davi havia sido contratado como caseiro duas semanas antes do crime e morava em um quartinho do lado de fora da casa. Sandra o contratou para que ele cuidasse da casa enquanto estivesse na Índia, país para o qual tinha passagem marcada para 3 de novembro. A principal linha de investigação é de que o caseiro matou a pianista para roubar o dinheiro destinado à viagem.

A vítima havia sacado R$ 5 mil na semana anterior ao crime. Policiais não encontraram no sítio essa quantia – também não havia pistas do US$ 1,5 mil, que Sandra usaria na visita. Mas peritos recolheram o comprovante do saque e a pedra supostamente usada no assassinato. Davi desapareceu após a descoberta do corpo. Segundo vizinhos, ele havia sido flagrado pela pianista mexendo na bolsa dela, o que teria provocado uma discussão entre ambos e a demissão do caseiro, um dia antes do crime.


About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: