Pelé lamenta caos em aeroporto, mas acha acidente em Itaquera normal

Pelé lamenta caos em aeroporto, mas acha acidente em Itaquera normal

A organização da Copa do Mundo no Brasil está deixando Pelé preocupado. Na manhã desta segunda-feira, o ex-jogador manifestou seu descontentamento com a forma como o evento está sendo preparado, mas minimizou o acidente na Arena do Corinthians, que teve a morte de um operário na semana passada.

“Viajei para Rússia, China, Estados Unidos… Todo mundo está falando que vai ver a Copa, mas cheguei anteontem de viagem e o aeroporto estava um caos. Essa é minha preocupação, que estraguem esta oportunidade. O que aconteceu no Itaquerão, com acidente, é normal, são coisas da vida, mas a forma como estão administrando o aeroporto e o turista no Brasil é uma coisa que está preocupando”, afirmou.

Pelé está fazendo diversas viagens ao exterior e costuma ser questionado sobre tudo o que envolve o Mundial. O ex-jogador explicou que a falta de acesso a ingressos incomoda os estrangeiros, mas citou os problemas de segurança como alarmantes para os torcedores de fora.

]“Passei por vários países, e a preocupação é grande, inclusive por não existir mais ingresso. Ninguém está entendendo por que não tem mais. O que chamou a atenção também foi o problema que teve no Rio nas pacificações, tendo assaltos… Queriam saber se vai ter perigo. A maioria das perguntas sobre isso”, acrescentou.

Ao observar os defeitos nos aeroportos, o ex-jogador lamentou por não ver o País se preparando adequadamente para o torneio. “O evento está determinado há quatro ou cinco anos, eu estava no sorteio, e não era para estar nessa preocupação dois meses antes. Isso nos deixa um pouco tristes”.

Pelé acredita que o governo não deu a atenção necessária para os torneios. “São três eventos em que o Brasil poderia crescer como país. A Copa das Confederações já foi meio complicada, mas, graças a Deus, o Brasil foi campeão. Se não fosse, poderia dar problema. Agora, a Copa está tendo alguns problemas. Tenho certeza de que o grande erro nosso, do governo, foi esquecer que a Copa e as Olimpíadas poderiam abrir as portas para turistas. Não aproveitamos essa oportunidade”, declarou, durante evento nesta segunda-feira.

Fonte: Gazeta Esportiva

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: