Participantes da Marcha para Jesus no DF pedem fim da corrupção

Participantes da Marcha para Jesus no DF pedem fim da corrupção

A marcha teve o objetivo de promover os valores cristãos e protestar contra a corrupção

Cerca de 5 mil pessoas participaram da Marcha para Jesus – pela Família e pelo Brasil, em Taguatinga, cidade situada a cerca de 30 quilômetros de Brasília, segundo a Polícia Militar do DF. A organização convocou 3 mil igrejas cristãs, a maioria evangélica, para participar da caminhada, de 3 quilômetros. Eram esperados 15 mil fiéis. A marcha teve o objetivo de promover os valores cristãos e protestar contra a corrupção.

O seminarista Mateus Carvalho, de 33 anos, da igreja Casa da Bênção, carregava uma bandeira do Brasil. Ele defendeu “menos corrupção, tanto nas grandes quanto nas pequenas instituições”. A igreja distribuiu a bandeira para os fiés.

De acordo com o Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os evangélicos são 22,2% da população brasileira. Trata-se da religião que mais cresceu, na última década: houve um aumento de 16 milhões de pessoas que se declararam evangélicas.

Na Câmara dos Deputados, segundo o Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, a Frente Parlamentar Evangélica reúne 78 integrantes e tem a presidência da Câmara, com Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

“O Brasil está querendo avançar muito, mas ainda é um país conservador principalmente com relação à família. Há muita coisa que está querendo avançar e a sociedade não está aceitando”, analisou um dos organizadores da marcha, pastor Josimar Francisco da Silva, presidente do Conselho de Pastores Evangélicos do Distrito Federal. “Avançar é bom, mas há que ter cautela para não misturar tudo”, acrescentou.

A marcha englobou também pautas sociais, como o incentivo para participar do cadastro de doador de medula óssea. O grupo The Clowns of God, formado por várias igrejas, levou cartazes e jalecos para conscientizar quem por ali passasse. “A medula é uma das coisas mais difíceis [para a realização de um transplante, uma vez que é preciso haver compatibilidade entre o doador e o paciente]: estamos chamando o maior número de pessoas possível [para a doação]”, disse Rafael Silva, de 17 anos, um dos integrantes do grupo.

Essa é a terceira marcha no DF este ano. Mais seis estão programadas até o dia 5 de setembro, quando ocorre a principal delas, no centro de Brasília. Além do DF, as marchas ocorrem em cidades como no Rio de Janeiro e São Paulo.

Fonte: Agência Brasil

About Germano Guedes

Olá Pessoal, Sou Germano Guedes, criador do site “a politica e o poder”. Baiano, morador da Estrutural desde 99, cheguei a Capital Federal para tentar a vida como milhares de outras pessoas. Ao chegar na Estrutural, começei a participar de discussões que visavam a melhoria da qualidade de vida na Cidade. Vi que alguns grupos já formados, ” monopolizavam” os moradores e inclusive, a informação que chegava até a comunidade. Nessa condição, resolvi criar um blog – meio que possibilitaria levar informação as pessoas. Neste canal, soltei o verbo e começei a dizer o que eu realmente pensava sobre o que acontecia na Estrutural. Abordei vários assuntos polêmicos, revelei notícias “bombas” e muitas vezes, tive que desmascarar grupos organizados que não pensavam no interesse da população – como diz o ditado ” era só venha a nós” e a população que se vire. Como Prefeito Comunitário pude participar mais ativamente das ações políticas que discutiam a Estrutural. Lixão, instalação de creches, reabertura de escolas e a regularização de alvará dos comerciantes eram algumas de nossas reivindicações. No ano de 2014, fui indicado pelo meu Partido – PRB – a vaga de administrador da Cidade. Continuo abastecendo o site com notícias e assuntos polêmicos, dizendo realmente o que penso. Porém, agora somos uma equipe e ” A Política e o Poder”, além de abordar assuntos correlatos à Estrutural, terá uma discussão voltada para todo o Distrito Federal, garantido informação e notícias exclusivas a todos os brasilienses que nos acompanham.
%d blogueiros gostam disto: