Painel da ONU condena Vaticano por abusos sexuais


Um comitê das Nações Unidas disse que o Vaticano tem um controle efetivo em todo o mundo sobre bispos e sacerdotes, que deverão cumprir um acordo contra a tortura assinado com a ONU, o que poderia expor a Igreja Católica a ações cíveis de vítimas de abuso sexual por parte de alguns membros do clero.

O comitê das Nações Unidas contra a tortura tem dito repetidamente que a violência sexual e o estupro podem ser considerados tortura, que a maior parte do mundo não prescreve.

O painel de dez peritos independentes nesta sexta-feira disse que a Santa Sé deve garantir que os sacerdotes não violem o tratado “em uma situação onde a Igreja exerce jurisdição ou controle efetivo”.

Os peritos acrescentaram que os funcionários do Vaticano não denunciaram adequadamente as acusações de abusos sexuais, transferiram sacerdotes em vez de puni-los e não pagaram uma compensação adequada às vítimas. Fonte: Associated Press.

Fonte: AE – Agência Estado

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: