No Rio, mil pessoas interditam a Presidente Vargas


No Rio, mil pessoas interditam a Presidente Vargas

Convocada pela internet, a manifestação também reúne vigilantes e professores, que estão em greve

Mais de mil pessoas interditam a avenida Presidente Vargas, no centro do Rio, durante protesto contra a realização da Copa do Mundo que começou no fim da tarde desta quinta-feira, 15, e continuava até as 19h. Convocada pela internet, a manifestação também reúne vigilantes e professores, que estão em greve.


O grupo se concentrou na Central do Brasil e caminha rumo à sede administrativa da prefeitura. Pelo menos 20 pessoas mascaradas, adeptos do movimento black bloc, participam do protesto. A polícia acompanha os manifestantes, e por enquanto não houve tumulto.

Motoristas e cobradores de ônibus também se reuniram no centro, para uma assembleia em que decidiram dar continuidade à campanha salarial sem nova paralisação, além de marcar nova reunião para a próxima terça-feira. Após a assembleia de hoje à tarde a categoria dispersou, sem se reunir com os manifestantes contrários à Copa.

Fonte: Agencia Estado

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: