No Palácio Rio Branco, Acre, na luta pela regulamentação do marketing multivel no Brasil.

Assembleia Legislativa do Acre foi palco nesta sexta-feira, 21, de uma audiência pública que debateu a regularização do marketing multinível no Brasil. O encontro foi proposto em função da paralisação pela justiça das atividades de duas das maiores empresas do ramo, a TelexFree e a BBom, a pedido do Ministério Público.

Em discurso na sessão especial, o deputado federal Acelino Popó (PRB-BA) criticou o bloqueio judicial da empresa Telexfree e, indiretamente, criticou o governo do Estado pelas agruras vivenciadas pelos divulgadores da empresa. “Governador, sai dessa mesa e ajude essas pessoas, disse o parlamentar.

Ainda em discurso, Popó cobrou as presenças na sessão, da promotora Alessandra Marques, responsável pela ação que bloqueou a empresa em junho do ano passado, e da juíza Thaís Kalil, que determinou a suspensão da Telexfree.

O deputado encerrou discursando a respeito da expectativa para que ocorra o desbloqueio judicial da empresa e que os investidores voltem a trabalhar normalmente. “Se não foi provado que [a empresa] é uma pirâmide, então, que devolva os valores destas pessoas; que elas retomem às [suas] rotinas, normalmente”, diz.

 http://popo.com.br/?pg=noticia&id=573#sthash.15mBsyei.dpuf

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: