Na lista, PPCUB e LUOS continuam como prioridade

Leite deve lançar uma campanha em âmbito nacional, pelo fim do privilégio de foro

O ano de 2014 mal começou, mas os deputados distritais já estão fazendo planos. Apesar das eleições estarem no calendário, os parlamentares garantem que os projetos na pauta terão prioridade especial nos primeiros meses do ano.

O presidente da Câmara, deputado Wasny de Roure (PT) vê as discussões para viabilização do Plano de Preservação do Conjunto Urbanístico de Brasília (PPCUB) e da Lei de Uso e Ocupação do Solo (LUOS) como prioridades. Ambos não foram votados porque não houve consenso entre os deputados. “Se nós conseguirmos já em janeiro desenvolver um calendário para essas duas leis, conseguiremos criar um fôlego na análise técnica e poderemos passar uma tranquilidade para os outros deputados”, afirmou.


Conselhos estatais

A sanção da lei que estabelece critérios para formação dos conselhos de estatais, como a Terracap e o Banco de Brasília (BRB), é um dos lugares onde o deputado Chico Leite (PT) concentrará seus esforços no início do ano. “A lei já foi aprovada e depende da sanção do governador. É uma lei importante, principalmente para que os conselhos não sejam apenas cabides de emprego, tenham formação e experiência na área e ficha limpa, por exemplo. Espero que a aprovação aconteça até março”, explicou. Além disso, Leite deve lançar uma campanha em âmbito nacional, pelo fim do privilégio de foro.

Já o deputado Joe Valle (PDT) pretende implantar a Frente Parlamentar pela melhoria da gestão pública no DF e rediscutir o papel das administrações regionais. “O modelo é completamente falido. Tem que ser criado um novo jeito, sem tantos indicados políticos. É necessário que as administrações desenvolvam o modelo de governo localmente”, afirmou.

Fonte: Da redação do Jornal de Brasília

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: