Mesmo com a vitória Alemã, o título foi comemorado pelos brasileiros


Mesmo com a vitória Alemã, o título foi comemorado pelos brasileiros

O cenário era o pior possível para os cerca de 1.300 torcedores que praticamente lotaram as dependências da embaixada da Alemanha ontem, durante a disputa da final da Copa do Mundo

Lucas Magalhães

e Kiara Mila Oliveira


O jogo estava difícil. A Argentina era ligeiramente melhor e até chegou a marcar um gol, anulado pela arbitragem. O cenário era o pior possível para os cerca de 1.300 torcedores que praticamente lotaram as dependências da embaixada da Alemanha ontem, durante a disputa da final da Copa do Mundo.

O panorama mudou radicalmente no final da prorrogação. O golaço do jovem Mario Götze fez explodir a torcida. Quase de imediato, o setor brasileiro da torcida, timidamente, entoou os primeiros versos da canção sobre os mil gols marcados por Pelé. Pouco depois, quase em uníssono, os presentes na embaixada davam continuidade à brincadeira.

Troco em shopping

Aliviadas ao verem a Alemanha levantando a taça de campeã em solo brasileiro, um grupo de estudantes decidiu parodiar uma versão bem famosa da música argentina de provocação, a “decime que se siente”.

Chefiadas por Roberta Feitosa, as outras apenas acompanhavam o ritmo lendo a letra no celular. “Hermano, me diga como se sente. Chegar e ser vice na final? Que pena, em 24 anos, não ganharam mais nenhum Mundial. Tudo isso é um desaforo, afinal perderam de novo e a Alemanha foi para casa com o ouro. E o Messi me deu dó, Maradona cheira pó, todos sabem que o Ronaldo é o melhor”, gritavam repetidamente, após aplausos e assovios.

Uma delas, depois da pressão das demais, trocou a Argentina pela Alemanha e acabou integrando o coro com a maioria. “As pessoas vão me matar se souberem que estava torcendo para o inimigo. Tudo bem, estou feliz com o resultado”, afirmou a estudante Paula Darliny.

A amiga Roberta Feitosa revirava os olhos quando ouvia Paula falar dos hermanos. “Não sei de onde ela tirou essa ideia. Aqui é Alemanha de verdade”, assumiu.

Fonte: Da redação do Jornal de Brasília

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: