Joaquim Roriz não será candidato ao governo do DF


José Arruda e filha de Joaquim Roriz, na fila de espera por transplante, oficializam pré-candidatura contra Agnelo Queiroz

Wellington Carlos
Do Mais Goiás, em Goiânia

(Foto: Divulgação)

O ex-governador Joaquim Roriz (PRTB) está fora da disputa eleitoral de outubro pelo Governo do Distrito Federal (GDF). A decisão ocorreu ontem, em reunião na sua residência, no Park Way.

O ex-governador do DF espera por um transplante de rim, tem 80 anos e pode ter decretado sua aposentadoria política. O fato já repercutiu nesta manhã de quinta-feira (13/03), principalmente em um terceiro grupo de partidos mais à esquerda puxado pelos senadores Reguffe (PDT) e Rodrigo Rollemberg (PSB).

Líder nas pesquisas, Roriz indicou a filha Lidiane, deputada distrital, para a vice de José Roberto Arruda (PR).

Nas sondagens de opinião, o grupo opositor aparece na frente do governador Agnelo Queiroz (PT), que tentará a reeleição.

A primeira reunião para fechar a chapa ocorreu em Goiânia, na residência do governador Marconi Perillo (PSDB), no final de janeiro.

Perillo ainda não formalizou interesse em disputar as eleições de outubro, mas é líder nas pesquisas e nome com maior penetração na região do Entorno do Distrito Federal, devido aos maciços investimentos na área.

Grande parte dos moradores do EntornO -cerca de 35% – vota, de fato, em Brasília.

A opinião de Perillo em janeiro serviu para unir os dois nomes da oposição, Joaquim Roriz e José Roberto Arruda. Gim Argello (PTB) completa a chapa, com a postulação para manter-se no Senado Federal.

Em recente conversa com o MAIS GOIÁS, o ex-governador Joaquim Roriz garantiu que dificilmente seria candidato, mas que estava atento a tudo. Ele alertou que o conjunto das obras sociais do grupo Roriz/Arruda os torna “imbatível” frente a debilidade do atual governo do GDF.


About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: