I Congresso Nacional do PRB Mulher

(Foto facebook)


A primeira edição do Congresso Nacional do movimento republicano feminino aconteceu na capital federal, no Centro de Centro de Convenções Ulisses Guimarães. O objetivo é promover discussões e debates de políticas para mulheres. Centenas de pessoas lotaram o auditório do evento, que começou nesta quinta-feira (8) e vai até amanhã (10).

O deputado federal Vitor Paulo prestigiou o evento e destacou a importância da representação feminina na definição das políticas públicas. “O PRB Mulher tem feito um trabalho incansável para garantir a participação ativa da mulher nas decisões políticas, e isso é muito importante. Estou muito esperançoso e acredito que o PRB vai cumprir sua meta. Vai chegar uma época em que os homens vão disputar o espaço de 30% com a mulheres”, brincou.

A presidente Dilma Rousseff não pôde comparecer, mas enviou uma carta pedindo desculpas às militantes e exaltando o papel delas na política. Em tom intimista, a presidente Dilma ressaltou que a aliança com o partido tem sido fundamental para fortalecer a direção dela no Governo brasileiro. “Minhas companheiras do PRB, o Governo tem o Partido Republicano Brasileiro como um aliado valoroso para as relevantes conquistas que temos proporcionado ao nosso povo”, considera a presidente na carta lida pela ministra Ideli Salvatti.

Salvatti lembrou que a mulher conquistou o direito de votar e ser votada a pouco mais de 80 anos e que a eleição da presidente Dilma Rousseff foi um marco na história da política brasileira. “O trabalho da mulher na política vem se consolidando ao longo dos tempos. É de iniciativas como essa do PRB que surgem nomes e lideranças qualificadas para concorrer e ganhar as eleições”, afirma.

No discurso de abertura, a coordenadora nacional do PRB Mulher, RosangelaGomes, reconheceu o sacrifício que as mulheres enfretaram em diversos estados para que o Congresso Nacional fosse um sucesso. “Algumas delas viajaram mais de 20 horas para estar aqui. Nós estamos unidas porque queremos mais mulheres no poder. Iremos trabalhar de porta em porta para que nosso partido venha crescer! As mulheres podem mais! Avante PRB!”, comemora a coordenadora.

Já o líder do PRB na Câmara dos Deputados, George Hilton (MG), considerou a necessidade de eleger mulheres a deputadas para ampliar a Bancada Republicana no Congresso Nacional. “O fato de não termos nenhuma mulher eleita deputada federal na nossa Bancada, nos deixa incompletos. Somente quando elegermos mulheres republicanas para trabalhar no Congresso Nacional, seremos uma bancada completa. Seria impossível tocar o partido sem o trabalho constante e exaustivo delas”, reflete Hilton, para ele, os frutos do trabalho das mulheres republicanas será colhido em 2014.

Também presente, o líder do PRB no Senado, Eduardo Lopes confirmou a intenção do partido em trabalhar em prol da eleição de uma mulher para a Câmara Federal. “Em 2014 nós teremos uma deputada federal ou mais, teremos a primeira deputada federal eleita pelo PRB”, vislumbra.

Considerado a estrela do partido, o ministro da Pesca e Aquicultura, Marcelo Crivella, parabenizou a mobilização do movimento feminino. “Os partidos fazem esses congressos, mas o nosso reuniu aqui mais de mil mulheres. Eu tenho orgulho de fazer parte do PRB!”, discursa. Ainda, o ministro enfatizou que o PRB é um partido de diferencial e reforçou o empenho da sigla em seguir os conselhos do presidente de Honra do PRB, o ex-vice-presidente da República José Alencar, que morreu em 2011 devido a um câncer. “A política é considerada o palco das traições, mas nosso partido faz política diferente. Seguimos o sonho de José Alencar: O de fazer uma política justa e honesta”, completa Crivella sob forte aplauso.

No final, o presidente nacional do PRB, Marcos Pereira, disse estar orgulhoso com a realização do evento. “É muito gratificante para nós. Eu sei que tem mulheres aqui que vieram de ônibus, de barco e de avião. Cada Estado tem sua realidade e aqui levantamos a bandeira do Brasil”, ressalta. De acordo com ele, o PRB Mulher poderá contar com total apoio da liderança para crescer não apenas nos bastidores do partido, mas, principalmente, à frente de disputas eleitorais e de cargos de direção.

Texto: Jamile Reis – PRB
Edição: Laize Andrade


About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: