Galo Tricolor, Sambão e Mocidade Alegre abrem os desfiles das escolas de samba

Eram oito horas da noite quando os primeiros integrantes da Galo Tricolor entraram na avenida. A escola, que homenageou o jogador piauiense Sima, foi a primeira das três escolas de samba que se apresentaram na Avenida Marechal Castelo Branco, na noite deste domingo, abrindo os desfiles das escolas de samba da capital. O prefeito Firmino Filho esteve presente, juntamente com o presidente da Fundação Cultural Monsenhor Chaves, Lázaro do Piauí, prestigiando os desfiles da Galo Tricolor, Sambão e Mocidade Alegre.

abe979fc62 f12ba2acee

Segundo o prefeito, o resgate dos desfiles das escolas de samba era uma reivindicação dos carnavalescos da cidade. “O carnaval de Teresina se reinventa. È uma festa que é feita pelas pessoas e a Prefeitura apenas apóia, incentiva. O carnaval não é uma construção oficial, é uma construção das pessoas. São as pessoas que fazem o nosso carnaval. Por isso, é importante que não haja descontinuidade. Precisamos persistir, porque cada vez mais, aumenta o número de pessoas que vem para a avenida prestigiar as escolas”, comenta.

O prefeito fez questão de percorrer todo o corredor da folia, conversando com foliões, membros das escolas de samba, barraqueiros e conferindo tudo de perto. Para o presidente da Fundação Cultural Monsenhor Chaves, Lázaro do Piauí, o público presente na avenida demonstra que o carnaval nunca morreu. “Desde que assumimos, buscamos resgatar o carnaval. Não temos como fazer comparativos, temos que valorizar o que é nosso, esse trabalho que os nossos carnavalescos levam para a avenida. Todos se esforçam para trazer uma escola de samba bonita, animada. É esse o carnaval do nosso povo”, reforçou.

9576892d40 fd421654ad ca9f7360fb

A professora Gessiandra Cavalcante foi com o esposo e a filha conferir os desfiles das escolas de samba. “Todos os anos viajamos, mas decidimos ficar aqui esse ano. Então, viemos prestigiar. Achei bacana e importante a Prefeitura incentivar as escolas e acredito que isso deva acontecer. Tem muita gente que não consegue viajar e é importante e necessário termos opções para prestigiar o nosso carnaval”, avalia ela.

À exemplo de anos anteriores, a Prefeitura de Teresina deu incentivo para que as escolas pudessem se apresentar na avenida, além da estrutura de arquibancadas, banheiros químicos, segurança, etc. Este ano, como forma de incentivar ainda mais a participação das escolas, a Prefeitura também irá premiar as três primeiras colocadas, que levarão R$ 10 mil, R$ 7 mil e R$ 4 mil, cada uma.

A escolha das campeãs será definida após voto de um júri técnico, composto por 20 pessoas, que avaliam dez quesitos: comissão de frente, mestre sala e porta-bandeira, enredo, fantasia, alegorias e adereços, bateria, samba enredo, harmonia, evolução e conjunto. Na terça-feira, outras quatro escolas também se apresentarão na avenida disputando a preferência dos jurados. São elas: Unidos da Santana, Skindô, Brasa Samba e Ziriguidum. A apuração dos votos para a definição das escolas de samba campeãs acontece nesta quarta-feira, às 16 horas, no Teatro de Arena.

Durante os desfiles, equipes da Secretaria Municipal de Trabalho, Cidadania e Assistência Social (Semtcas) fizeram abordagens sociais e orientações sobre trabalho infantil e os serviços socioassistenciais ofertados pelo Centro Pop. “Fizemos essa abordagem, falando sobre o Centro Pop, que trabalhos desenvolvemos lá e as formas de acesso, além de fazermos as abordagens sobre trabalho infantil”, comentou a assistente social Lucenilde.

As equipes da Fundação Municipal de Saúde (FMS) também estiveram no local distribuindo preservativos e falando sobre DSTs/Aids. “Iniciamos esse trabalho desde o Corso, distribuindo preservativos masculinos, femininos e também gel lubrificante. A idéia é levar a mensagem de preservação contra as Dsts, em um período que as pessoas costumam se relacionar sem prevenção. Há uma campanha do Ministério da Saúde, “deixa e camisinha entrar na festa”, lembrando da importância da prevenção”, disse a coordenadora do programa de Aids da FMS, Andrea Fernanda Lopes, acrescentando que, em cada dia da folia serão distribuídos 20 mil preservativos.

About Willams Rocha

%d blogueiros gostam disto: