Fundador do Wikileaks pode ser preso mesmo asilado

Julian Assange, fundador do WikiLeaks

Fundador do Wikileaks pode ser preso mesmo asilado
Da redação do AlôO fundador do WikiLeaks, Julian Assange, não tem como deixar seu refúgio na embaixada equatoriana em Londres sem ser preso, mesmo se o governo do Equador lhe conceder asilo, afirmam advogados. O australiano está na embaixada há oito semanas, desde que perdeu uma batalha jurídica para evitar ser extraditado para a Suécia, onde ele é procurado para responder por estupro. Assange nega as acusações feitas por duas voluntárias do WikiLeaks. Ele teme que a Suécia o envie para os Estados Unidos, onde acredita que as autoridades querem puni-lo pela publicação de milhares de documentos diplomáticos norte-americanos secretos.

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: