Envelhecimento da população é desafio ao Brasil, alerta ministra

Maria do Rosário participou nesta quinta-feira do debate Dez anos do Conselho Nacional dos Direitos do Idoso. Foto: Agência Brasil
Maria do Rosário participou nesta quinta-feira do debate “Dez anos do Conselho Nacional dos Direitos do Idoso”
Foto: Agência Brasil
A sociedade e o governo devem encarar o envelhecimento da nossa população como um desafio para a promoção de uma melhor qualidade de vida aos idosos, afirmou nesta quinta-feira a ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário.
“A sociedade e o governo têm que perceber que esse é um momento muito positivo que o país vive. O nosso desafio é para que o avanço da idade dos brasileiros agregue qualidade de vida com envelhecimento ativo e saudável”, disse a ministra, ao chegar para a abertura do seminário sobre os dez anos do Conselho Nacional dos Direitos do Idoso, realizado na Câmara dos Deputados.
Neste dia 15 se comemora o Dia Mundial de Combate à Violência contra o Idoso. A ministra informou que, em um ano (dezembro de 2010 a dezembro de 2011), o Disque 100 Idoso recebeu 44 mil denúncias de violência contra idosos, entre agressão, abuso sexual e exploração econômica.
Atualmente, apenas o Rio de Janeiro, Alagoas e a Paraíba têm legislação que estabelecem mecanismos locais para a prevenção da tortura. No entanto, somente o do Rio de Janeiro está em funcionamento. “O SPT (Subcomitê de Prevenção da Tortura) demonstra satisfação com essas evoluções e é da opinião que a criação desses mecanismos estaduais deveria ser encorajada pelas autoridades federais e dos Estados.”, diz a ministra.
O subcomitê visitou os Estados de Goiás, São Paulo, do Rio de Janeiro e Espírito Santo entre os dias 19 e 30 de setembro de 2011. Além de fazer visitas a locais de detenção, o SPT participou de reuniões com autoridades governamentais, com o Sistema ONU no Brasil e com membros da sociedade civil.
Agência Brasil

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: