Entenda a estratégia tucana para derrotar Dilma Roussef e o PT

Aécio já tem uma arma gaúcha. É que a nova esposa é do RS.

Pré-candidato à Presidência, Aécio Neves investirá no apoio de governadores para levar a disputa ao segundo turno. A matéria a seguir é do Correio Braziliense deste sábado:

O presidente do PSDB, senador Aécio Neves (MG), faz cálculos eleitorais baseados nas últimas eleições para concluir que o atual favoritismo da presidente Dilma Rousseff nas pesquisas não altera as previsões de que a disputa se dará em dois turnos, mesmo que os únicos concorrentes sejam ele próprio e o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB). “Foi o que ocorreu nas últimas eleições, sendo que a vantagem que o PT tinha no Norte e no Nordeste diminuiu muito”, avalia. Para Aécio, oito governadores tucanos alavancarão sua candidatura.

. O ex-governador mineiro acredita que o cenário eleitoral será novamente desfavorável para Dilma no Brasil meridional — os estados do Sul e do Sudeste. Foi assim na eleição passada e isso tende a se manter na próxima disputa, ainda mais porque o PSDB conta com a candidatura à reeleição do governador Beto Richa, no Paraná, o que deve ampliar a força dos tucanos na região. O PT controla o governo do Rio Grande do Sul, estado de adoção da presidente Dilma Rousseff, no qual o petista Tarso Genro será candidato à reeleição. A tradição gaúcha, porém, vem sendo não reeleger seus governadores.

. Na Região Sudeste, além do apoio de Minas Gerais, Aécio contabiliza a força eleitoral do governador Geraldo Alckmin (PSDB), principalmente nos municípios do interior paulista.

CLIQUE AQUI para ler tudo.


About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: