Encontro do PT em SP homenageia Luiz Gushiken

Foto: Heinrich Aikawa/Instituto Lula

O encontro da Região Metropolitana do Partido dos Trabalhadores de São Paulo, que aconteceu neste sábado (14) na quadra dos Sindicato dos Bancários, transformou-se em uma homenagem a Luiz Gushiken, fundador do partido e ex-presidente do sindicato. Toda a programação da tarde do encontro foi cancelada em função do velório do ex-ministro.

Para baixar imagens em alta resolução, visite o Picasa do Instituto Lula.

Para Lula “poucas vezes um partido teve um companheiro da qualidade e da perseverança do Gushiken”. O ex-presidente relembrou sua trajetória de 35 anos de convivência com o “Chininha” como era apelidado Gushiken. “Ele se foi enquanto matéria. Mas as ideias não morrem. E o Gushiken nos ensinou a fazer mais”.

Lula, que vistou Gushiken na quinta-feira, na véspera de sua morte, revelou a mensagem que Gushiken deixou. “Ele me disse: ‘é preciso recuperar esse partido, Lula. Ele não pode ser apenas eleitoral. Ele foi criado para a gente estar 24 horas por dia organizando a luta dos trabalhadores brasileiros”.

O ex-presidente também criticou a forma com que a imprensa tratou o seu ex-ministro. “O Gushiken foi uma das vítimas de parte da imprensa desse país. Eu sei o que ele sofreu”.

Além de Lula, o presidente do PT, Rui Falcão, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, e o presidente estadual do PT, Edinho Silva, falaram sobre Gushiken. Edinho Silva pediu um minuto de silêncio em memória do companheiro.

Padilha, que faz aniversário neste dia 14 de setembro foi homenageado com um bolo com a estrela do partido e o coro de “parabéns para você”.

Ouça abaixo o trecho no qual Lula fala que a imprensa deve desculpas sobre as injustiças publicadas contra o ex-ministro:

E o trecho no qual Lula diz que o partido não foi criado apenas para ganhar eleição:


Leia mais 

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: