Empresas de ônibus iniciam plano emergencial em quatro regiões

Empresas de ônibus iniciam plano emergencial em quatro regiões

Medida será adotada para suprir ausência da cooperativa MCS, notificada pelo governo por irregularidades

Ádamo Araujo, da Agência Brasília

26 de junho de 2015 – 15:34

A partir deste sábado (27), as empresas de ônibus Marechal, São José e Urbi iniciam o plano emergencial para condução de passageiros no Recanto das Emas, no Riacho Fundo II, na Estrutural e no Guará. As viações substituem temporariamente a cooperativa MCS Transportes, que operava nas rotas com 45 micro-ônibus, mas deixou de atendê-las. Os empresários garantem o cumprimento do determinado pelo Transporte Urbano do Distrito Federal (DFTrans): a oferta de 30 ônibus convencionais em até 15 linhas.

Na manhã desta sexta-feira (26), a Secretaria de Mobilidade de Brasília publicou no Diário Oficial do DFnotificações direcionadas à cooperativa MSC. Elas referem-se a problemas de prestação inadequada do serviço, paralisação do atendimento e falta de documentação relativa à regularidade fiscal.

De acordo com o subsecretário de Fiscalização, Auditoria e Controle, Fernando Pires, a Secretaria de Mobilidade levantará as penalidades a serem aplicadas à cooperativa. “Formulamos um relatório no qual, desde 2014, ela já apresentava irregularidade na operação. Primeiramente, foram alguns problemas pontuais de viagens, mas em seguida eles começaram a se intensificar.”

A secretaria também notificou a Cooperativa Mista dos Transportes Rodoviários Autônomos de Passageiros do Distrito Federal Cootransp (Grande Brasília), permissionária do serviço básico do sistema de transporte público coletivo. Os motivos foram a prestação de serviço deficiente e o não atendimento de intimação para apresentar documentos relativos à regularidade fiscal.

Leia também:

About Germano Guedes

Olá Pessoal, Sou Germano Guedes, criador do site “a politica e o poder”. Baiano, morador da Estrutural desde 99, cheguei a Capital Federal para tentar a vida como milhares de outras pessoas. Ao chegar na Estrutural, começei a participar de discussões que visavam a melhoria da qualidade de vida na Cidade. Vi que alguns grupos já formados, ” monopolizavam” os moradores e inclusive, a informação que chegava até a comunidade. Nessa condição, resolvi criar um blog – meio que possibilitaria levar informação as pessoas. Neste canal, soltei o verbo e começei a dizer o que eu realmente pensava sobre o que acontecia na Estrutural. Abordei vários assuntos polêmicos, revelei notícias “bombas” e muitas vezes, tive que desmascarar grupos organizados que não pensavam no interesse da população – como diz o ditado ” era só venha a nós” e a população que se vire. Como Prefeito Comunitário pude participar mais ativamente das ações políticas que discutiam a Estrutural. Lixão, instalação de creches, reabertura de escolas e a regularização de alvará dos comerciantes eram algumas de nossas reivindicações. No ano de 2014, fui indicado pelo meu Partido – PRB – a vaga de administrador da Cidade. Continuo abastecendo o site com notícias e assuntos polêmicos, dizendo realmente o que penso. Porém, agora somos uma equipe e ” A Política e o Poder”, além de abordar assuntos correlatos à Estrutural, terá uma discussão voltada para todo o Distrito Federal, garantido informação e notícias exclusivas a todos os brasilienses que nos acompanham.
%d blogueiros gostam disto: