Depois de criticar o governo, Paulo Roriz deverá deixar cargo de secretário do Entorno do DF

O governador em exercício Tadeu Filippelli (PMDB) vai comunicar hoje (23) a demissão do ex-deputado Paulo Roriz da secretaria de Desenvolvimento do Entorno.

Filippelli soube, por nota publicada hoje na coluna Eixo Capital, do discurso de Paulo Roriz contra o governo em evento ocorrido em Valparaíso (GO).

O governador em exercício também já viu os vídeos que circulam na internet. Em três momentos, Paulo Roriz fala sobre o atual governo. “Ele tem o direito de pensar o que quiser. Respeito a manifestação dele, inclusive na parte em que coloca o cargo à disposição. Vou aceitar”, afirmou Filippelli.

O secretário de Desenvolvimento do Entorno mencionou problemas do Hospital de Santa Maria, condenou os gastos com o Estádio Nacional Mané Garrincha e até elogiou o ex-governador José Roberto Arruda (PR).

O vídeo acabou na internet. Gerou muita polêmica e irritou a cúpula do governo.

Diz Paulo Roriz num evento em Valparaíso: “O Arruda gastou na época R$ 120 milhões para construir o Hospital de Santa Maria, que está aí parado. É um absurdo”. “A gente vê gastarem R$ 1,5 bilhão para construir o Estádio, dinheiro que daria para construir cinco ou seis hospitais. Essas coisas nos revoltam”, acrescentou.

Paulo Roriz é suplente do deputado distrital Raad Massouh (PPL), cujo processo de cassação será analisado pelo plenário da Câmara Legislativa em voto secreto. Se Raad perder o mandato, Paulo Roriz voltará à Casa. Se os colegas salvarem o parlamentar do PPL, ele ficará sem cargos no governo e também sem mandato.

Na fase de aproximação com o governo Agnelo, Paulo Roriz tentou indicar o diretor do Hospital de Santa Maria, mas não conseguiu.

Em viagem particular com a família, o governador Agnelo Queiroz soube do caso hoje de manhã. Claro que não gostou.http://www.dzai.com.br/eixocapital/blog/eixocapital?tv_pos_id=140107

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: