Copa do Mundo: Gilson é a voz da Rodoviária


Copa do Mundo: Gilson é a voz da Rodoviária

A letra é uma provocação às mulheres que se vestem com roupas curtas para chamar a atenção de jogadores e estrangeiros

Kiara Mila Oliveira


A sempre agitada Rodoviária do Plano Piloto tem se acostumado com um barulho a mais a medida em que a Copa do Mundo se aproxima. Vestido com uma camisa do Brasil, o cantor Gilson Estrada promete aos quatro cantos da plataforma que vale à pena comprar o seu CD. Esperto, o músico aproveita o momento pré-Mundial para lançar a “Melô da Maria Chuteira”.

No meio da multidão apressada, ele arrisca cantarolar uns versos para chamar a atenção. “Olha que no Brasil da Copa, se ligue, não dê bobeira. A paquera é diferente e cuidado com a Maria Chuteira”, brada o exótico cantor.

A letra é uma provocação às mulheres que se vestem com roupas curtas para chamar a atenção de jogadores e estrangeiros.

O tom alto adotado por Gilson é cativante. Não demora muito e o “hit” atrai a atenção de várias pessoas, inclusive de um velho amigo: Joel Serrano. Ao ver o colega divulgar o trabalho, ele afirma: “Ele grita mesmo. Se não gritar, não vale. Do jeito que ele é, acho que a pessoa compra o CD no susto”, brinca o corretor de imóveis.

E era isto o que o cantor fazia. Gritava, chamava a atenção, juntava gente curiosa e vendia. “Olha o CD com lançamento para a Copa que custa só cinco conto. É forró do bom e de Fortaleza. Eu mesmo canto, divulgo e vendo.”

Preço relativo

O preço varia entre R$ 5 e R$ 10, fora as vezes que o cantor decide não cobrar e o distribui. O comerciante de um quiosque que vende produtos eletrônicos na Rodoviária, Edvaldo Gomes, rendeu-se à curiosidade e comprou o disco das mãos de Gilson.

Natural da Bahia, ele veio a Brasília em busca de condições melhores, mas nunca deixou de lado o bom e velho forró. “Baiano que é baiano gosta de axé e forró. Eu aprecio as coisas que são do Brasil e já já coloco o disco ali no carro para ver se é bom mesmo”, desafia o comerciante.

Ideia não falta para o cantor

Focado no Mundial de futebol, Gilson Estrada pretende fazer alguns shows voltados ao tema e apresenta algumas ideias. Com a certeza de que a música da Maria Chuteira estará em evidência, ele quer fazer uma espécie de votação entre os espectadores do espetáculo para decidir quem é a mulher mais bonita.

De acordo com o artista da Rodoviária, a que vencer levará para casa alguns produtos oficiais da Copa do Mundo, entre eles, a camisa da seleção brasileira.

“Sou eu quem pensa nessas coisas porque sei do que o povo gosta. Já trabalhei com isso e agora como cantor, quero colocar em prática”, ostenta o cantor com três anos de carreira e três discos lançados. Além disso, Gilson quer encher um fusca de cerveja e sorteá-lo durante o show.


Fonte: Da redação do Jornal de Brasília

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: