Confira balanço final da Gymnasiade 2013

 ASCOM/SESP

Atletismo
O grande nome do atletismo do Brasil na Gymnasiade 2013 foi o velocista Vitor Hugo Mourão, que venceu as provas dos 100m e 200m, com direito a recorde da competição nos 200m. Com esse resultado, Vitor ajudou o Brasil a somar cinco medalhas de ouro, cinco de prata e quatro de bronze na modalidade. Os outros campeões brasileiros foram: Janaína Lima (2.000m com obstáculos), Núbia Aparecida (salto triplo) e Rafael Mello (110m com barreiras).

Os demais campeões da Gymnasiade 2013 foram: Lari Filippo, da Itália (Salto em altura), o russo Tolokonnikov Konstantin (800m), o grego Zotos Kyriakos (Lançamento de disco), italiano Abdelwahed Ahmed (2000m com obstáculos).

As medalhas de ouro no feminino ficaram com: Andreou Paraskevi, do Chipre (100m rasos), as russas Sizova Marina (200m rasos), Kudryavtseva Anastasiya (400m), rAlekseeva Ekaterina (800m), e Paushkina Elena (1500m), a chinesa Guan Yaxin (3000m), Christofi Natalia, do Chipre (100m com barreiras), as russas Kiseleva Tatiana (400m com barreiras), Bugakova Alena (Arremeso de peso) e Bugakova Alena (Lançamento de disco), Tarasiuk Hanna, da Bielorrússia (Lançamento de dardo), a italiana Camporese Giulia (Lançamento de martelo), a francesa Lea Fleury (Salto em distância), e as russas Voronina Sofia (Salto em altura), Zakharutkina Mariia (Salto com vara) e Sizova Marina (Revezamento medley).

Karatê
Os brasileiros tiveram o melhor rendimento nas disputas de Caratê da Gymnasiade 2013 com dezenove medalhas conquistadas nas lutas do CECAF. Dos onze títulos em disputa, o Brasil levou sete medalhas de ouro, além de oito de prata e quatro de bronze. A França foi a segunda melhor delegação no torneio com quatro medalhas de ouro. E os mexicanos comemoraram oito medalhas: duas de prata e seis de bronze.

O Brasil conquistou ouro no kata masculino e feminino, com Guilherme Garcez e Thainan Schopchaki, e no kumitê com Santiago Filho (-55kg), Breno Teixeira (-61kg), Alberto Azevedo (+76kg), Jessica de Paula (-48kg) e Isabela Rainho (-59kg). Pela França, receberam ouro Steven da Costa (-68kg), Lou Le Brun (-76kg), Andrea Brito (-53kg) e Nanci Garcia (+59).

Judô

A grande vencedora do Judô na Gymnasiade 2013 foi a delegação da Rússia que dominou a competição estudantil com treze medalhas, sendo dez de ouro, duas pratas e um bronze. A França ficou em segundo lugar no quadro geral da modalidade, com quatro medalhas de ouro, quatro de prata e duas de bronze. O Brasil ficou com o terceiro lugar e somou o maior número de medalhas na competição: quinze pódios. Os atletas Joice Braga e Bruno Watanabe foram os medalhistas de ouro. E os judocas verde-amarelos ainda conquistaram sete medalhas de prata e seis de bronze.

Ginástica Aeróbica

A Seleção do Brasil conseguiu quatro medalhas nas competições de Ginástica Aeróbica da Gymnasiade 2013: uma de prata e três de bronze. O melhor resultado foi no par misto que conseguiu a segunda colocação com Caroline Santos e Paulo Santos.

O bronze veio no individual feminino e masculino com Caroline Santos e Paulo Santos. A vencedora no individual foi a espanhola Belen Guillemot e a vice-campeã foi a húngara Panna Szollosi. No masculino, o campeão foi Daniel Bali, da Hungria, seguido do chinês Hayou Wang.

A outro bronze brasileiro ficou com o trio formado por Gabriela Camara, Ursula Macieira e Priscila Gennari. Nesta categoria, o ouro foi para a Hungria e a prata para os chineses.

No disputa por Grupo, os húngaros confirmaram o favoritismo e levaram o ouro. A prata foi para os chineses, bronze para os finlandeses, e os brasileiros terminaram em quarto lugar.

Ginástica Artística

Na competição feminina por equipes, as russas sagraram-se campeãs com Inglaterra na segunda colocação e França na terceira. O Brasil terminou em quarto lugar.

Nos aparelhos individuais femininos, medalhas de ouro para: Rebeca Andrade (salto), Flavia Saraiva (solo e trave) e a húngara Noemi Makra (barras assimétricas). E no individual geral feminino o Brasil levou prata, com Flávia, e bronze com Rebeca.

No individual geral masculino, o melhor brasileiro foi Ângelo Assumpção, nono lugar de um total de 62 competidores. A medalha de ouro ficou como russo Kirill Potapov, seguido do inglês Nile Wilson e do russo Artur Dalaloyan.

Nos aparelhos individuais, os medalhistas de ouro foram: os inglês Giarnni Reginimoran (solo) e Nile Wilson (barra fixa), Marlos Georgiou, de Chipre (cavalos com alças), e os russos Artur Dalaloyan (salto e argolas) e Ivan Stretovich (barras paralelas).

Ginástica Rítmica

Na ginástica rítmica, as medalhas de ouro por aparelho foram para as ginastas russas Veronika Poliakova (Arco) e Luliia Bravikova (Bola, Fita e Maças). A Rússia também fez dobradinha na final individual geral com ouro para Luliia Bravikova e prata para Veronika Poliakova e foi campeã da disputa por grupos. O Brasil conquistou bronze com Andressa Jardim na Fita, prata por grupo e ouro na competição por equipe somando 250,000 pontos.

Xadrez

Brasil e Armênia foram os campeões do torneio de Xadrez da Gymnasiade 2013 em uma disputa marcada por muitas surpresas e que contrariou o favoritismo dos cabeça-de-chave pelo ranking da FIDE, Tigran Harutyunian, da Armênia, e Fernanda Rodrigues, do Brasil.

No final, a brasileira Ramyres Coelho levou o ouro invicto na chave feminina, seguida por Fernanda Rodrigues e pela portuguesa Mariana Silva. No torneio masculino, melhor para o armênio Manuel Petrosyan, campeão geral. A prata ficou com Arthur Chiari, do Brasil, e o bronze com Luis Pedro Ferreira, de Portugal.

NATAÇÃO

A natação da Gymnasiade 2013 foi marcada pelo alto nível técnico e por uma série de quebra de recordes da competição. A Itália foi a grande campeã da modalidade com catorze medalhas de ouro, treze de prata e seis de bronze, seguida da Inglaterra, com nove de ouro, onze de prata e doze de bronze. O Brasil terminou a competição com uma medalha de bronze de Ícaro Ludgero.

A estrela da competição foi a campeã olímpica Ruta Meilutyté, de 16 anos, que conquistou três medalhas de ouro e todas com quebra de recorde nos 50m peito, 50m livre e 100m livre.

Os campeões da Gymnasiade 2013 foram: o italiano Bori Alessandro (50m livre e 100m livre), o húngaro Benjamin Gratz (200m borboleta e 200m costas), oitaliano Sabbioni Simone (50m costas e 100m costas), o húngaro Norbert Szabo (200m medley, 400m medley e 100m borboleta),Cai Bingrong, de Taiwan (100m e 200m peito), os italiano Di Fabio (200m e 400m livres) e Tavoletta Raffaele (50m borboleta), o inglês Ackland Harry (50m peito) e os revezamentos da Itália (Revezamento 4x100m livre) e Inglaterra (Revezamento 4x100m medley).

Na chave feminina, ouro para: Ruta Meilutyté, da Inglaterra (50m livre, 100m livre e 50m peito), a italiana Tarzia Claudia (100m e 200m borboleta), a finlandesa Teijonsalo Fanny (50m costas e 200m medley), a inglesa Rudin Rosie (400m medley), a italiana Guerra Silva (100m e 200m peito), a húngara Nicolett Kiss (400m livres), a inglesa Vertigans Grace (50m borboleta), a italiana Esposito Ambra (200m costas), a inglesa Horton Brittany (100m costas) e a húngara Melinda Emma (200m livre). No revezameto, titulo para Inglaterra (Revezamento 4×100 livre) e Itália (Revezamento 4×100 medley).

Com informações da CBDE


About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: