Chapa da reeleição reunirá todos


Informações Eduardo Britto, Do Alto da Torre – Jornal de Brasília

Todos os candidatos de todos os partidos que apoiam a reeleição do governador Agnelo Queiroz reúnem-se com ele em um grande evento programado para a semana que vem. A decisão foi tomada ontem, durante uma série de reuniões do governador com os presidentes dos partidos da base. A começar pelo presidente do PCdoB, Augusto Madeira (foto), Agnelo encontrou-se, um a um, com os dirigentes de PPL, Pros e PSC, mais PHS e PEN. A rodada prosseguirá na segunda-feira. O time da campanha já está procurando um auditório capaz de abrigar pelo menos 800 pessoas.

Risco de contaminação

O objetivo da reunião dos candidatos é, evidentemente, afinar o discurso. Há motivos para isso. Na semana que passou já rolou um estresse bravo do comando da campanha com os quatro partidos que, embora na coligação de Agnelo, preteriram seu candidato a senador, Geraldo Magela, em favor da reeleição de Gim Argello. Os advogados da campanha advertiram que, caso PEN, PHS, PTdoB e PSL não formalizassem sua integração na aliança, e em toda ela, outras coligações poderiam impugnar o registro, o que ameaçaria até o tempo de televisão e rádio. Haveria, alertaram, risco de contaminação, com o problema da senatória estendendo-se aos demais cargos.

Partidos são enquadrados

O Buriti precisou jogar duro. O próprio Agnelo Queiroz conversou com os presidentes dos quatro partidos, três deles pessoalmente. Enquadrou-os. Todos formalizaram seu apoio a toda a chapa, formalmente, assinando as atas. Os quatro partidos deverão pedir votos para Gim Argello. Mas, do ponto de vista formal, estarão na chapa de Agnelo para todas as questões legais. Inclusive no tempo de televisão do senador.


About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: