Brasília participa da Hora do Planeta Lúria Rezende, da Agência Brasília

Foto: Roberto Barroso

Capital federal é a primeira do país a confirmar adesão ao movimento. Ao firmar o compromisso, governador Agnelo Queiroz anuncia recuperação de parques em todo o DF
O Distrito Federal se destaca na luta pela sustentabilidade. Desde que o Brasil aderiu à Hora do Planeta, há cinco anos, pela primeira vez Brasília será cidade-âncora do programa. Na tarde desta quarta-feira (27), o governador Agnelo Queiroz, o coordenador de Campanhas da WWF-Brasil, Michel Santos, e o secretário de Estado do Meio Ambiente, Eduardo Brandão, assinaram termo que marca a adesão formal do DF à iniciativa. Na ocasião, o governador reafirmou que adotará medidas para revitalizar parques no DF e dar continuidade à iniciativa de tornar Brasília mais sustentável.

“A cidade assume papel de protagonista na defesa por um planeta sustentável. A área central de Brasília ficará escura por uma hora mostrando o engajamento e a solidariedade da população do DF nessa batalha”, destacou o governador. Agnelo Queiroz garantiu, ainda, que a adesão ao programa não se limita apenas ao dia da ação. “Durante todo o ano, daremos sequência à defesa do meio ambiente com uma série de iniciativas para tornar Brasília mais sustentável”, ressaltou o governador.
A Hora do Planeta é um ato simbólico, promovido no mundo todo pela ONG WWF. Nele, governos, empresas e a população apagam as luzes por 60 minutos para chamar a atenção sobre a necessidade de reduzir o aquecimento global. O programa também foi lançado hoje em Cingapura.

Em 2013, a Hora do Planeta será realizada em 23 de março, um sábado, das 20h30 às 21h30. Neste ano, a previsão é que as luzes do Complexo Cultural da República, que incluiu a Biblioteca e o Museu Nacional, a Catedral, a Esplanada dos Ministérios e a Ponte JK, sejam desligadas. No ano passado, o DF apagou as luzes do Parque Olhos D’água e da Ponte JK.

Para atrair a participação popular ao movimento de conscientização ambiental, os organizadores do evento vão promover manifestações culturais no Museu da República. “Não é só um ato de pessoas, mas também de governos e empresas. Nós buscamos parcerias para transformar o evento na cidade em atividade cultural gratuita”, explicou o coordenador de Campanhas da WWF-Brasil.

Parques – A adesão à Hora do Planeta é uma das ações do GDF para tornar Brasília mais sustentável e atenta aos problemas e soluções do meio ambiente. Nesse sentido, o governador Agnelo Queiroz firmou compromisso de revitalizar mais 45 parques em todo o DF. “São desafios que fazem parte do esforço do GDF e da WWF que não se limitam apenas a essa iniciativa. Começaremos pela Prainha, uma área ambiental degradada no Gama”, acrescentou o governador.

A revitalização de parques anunciada pelo governador faz parte do programa Brasília Cidade-Parque, que já entregou à população 27 áreas de preservação recuperadas. “A nossa meta é equipar um total de 72 parques para transformar o Distrito Federal em uma grande área verde”, reforçou Agnelo Queiroz. O governador explicou que, além de recuperar esses espaços, as medidas buscam evitar a especulação imobiliária.

“Com essas iniciativas, Brasília começa a ter grande importância no processo da sustentabilidade do país. Esses programas e a atenção que o governo dá à área ambiental incentivam a conscientização dos moradores do DF”, garantiu o secretário do Meio Ambiente, Eduardo Brandão.

Hora do Planeta – A Hora do Planeta, conhecida mundiamente como Earth Hour, é uma iniciativa global da Rede WWF sobre mudanças climáticas. Na primeira edição, realizada em 2007, na Austrália, 2 milhões de pessoas desligaram as luzes de suas casas. Em 2008, mais de 50 milhões de pessoas de todas as partes do mundo aderiram à ação. Em 2009, quando a WWF-Brasil realizou pela primeira vez a Hora do Planeta, no Brasil, quase 1 bilhão de pessoas em todo o mundo participaram da iniciativa. Em 2012, o movimento atingiu mais de 7 mil cidades em 152 países.

Hora do Planeta

Dia: 23 de março, às 20h30.
Local: Esplanada dos Ministérios e Complexo Cultural da República.


About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: