Bomba no judiciário maranhense! Ângela Salazar corre risco de perder o cargo de desembargadora


Por Luís Pablo

Desembargadora Ângela Salazar

O Conselho Nacional de Justiça suspendeu esta semana a formação da lista tríplice, para acesso ao cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão, em que a juíza Ângela Salazar foi promovida e empossada como desembargadora no dia 16 de outubro do ano passado. A informação foi dada em primeira mão no Blog do Neto Ferreira.

A liminar concedida pela conselheira do CNJ, Maria Cristina Irigoyen Peduzzi, que deferiu o pedido impetrado pelo juiz João Santana Souza, deixa em xeque a promoção de Salazar, que corre risco de perder o cargo de desembargadora.

O juiz João Santana alega que por ter figurado por duas vezes consecutivas na lista tríplice, garantiria sua promoção obrigatória, quando Salazar foi promovida.

A confusão é grande e a desembargadora Ângela Salazar tem 15 dias para manifestar sua defesa.

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: