Arruda deverá ser maior oponente de Agnelo Queiroz em 2014

A despeito das condenações recentes, o ex-governador do Distrito Federal dificilmente terá sido transformado em ficha suja até outubro do ano que vem, com sentenças definidas por órgãos colegiados; pesquisas recentes o colocam como principal adversário do governador Agnelo Queiroz, do PT

247 – O ex-governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, que chegou a passar 60 dias preso, perdeu o cargo e, recentemente, foi condenado a cinco anos de prisão, em primeira instância, poderá vir a ser o maior adversário do governador Agnelo Queiroz, em 2014.

A volta de Arruda à cena política é tema de reportagem deste domingo do jornal O Globo, assinada pelo repórter Jailton de Carvalho. Ele poderá ser candidato porque, até outubro do ano que vem, provavelmente não terá sido transformado em ficha-suja, com condenações definidas por órgãos colegiados.

Recentemente, Arruda foi condenado a cinco anos de prisão, em razão da dispensa de licitação na reforma do estádio Nilson Nelson, mas poderá recorrer em liberdade. Especialistas atestam que a lentidão do Judiciário impedirá a condenação por um tribunal superior. “No Brasil é assim, esse é o nosso Judiciário”, disse o cientista político David Fleischer, da Universidade de Brasília.

Discretamente, Arruda tem começado a realizar encontros políticos e estuda se candidatar a deputado federal ou até mesmo a governador. Pesquisas realizadas pelos institutos Exata e Dados o colocam entre os nomes mais fortes – provavelmente, como o maior oponente de Agnelo Queiroz, em 2014.

Caso ainda não tenha sido condenado, Arruda tentará construir o discurso de que foi alvo de perseguição política, orquestrada pelo PT contra ele, na Operação Caixa de Pandora.

Fonte: Brasília 247

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: