Após duas mortes, Ministério Público pede interdição das obras da Copa em Manaus

MP quer interditar obras na Arena da Amazônia


Após duas mortes, Ministério Público pede interdição das obras da Copa em Manaus
O Ministério Público quer que as obras da Copa do Mundo na Arena Amazônia sejam paralisadas imediatamente…

O Ministério Público quer que as obras da Copa do Mundo na Arena Amazônia sejam paralisadas imediatamente. O órgão já entrou com o pedido na Justiça do Trabalho depois que duas pessoas morreram no local neste sábado.

O MP alega que as obras em Manaus não apresentam condições mínimas de segurança para os trabalhadores. Uma perícia deve comparecer ao estádio na segunda-feira para que depois haja uma definição oficial. Segundo o pedido protocolado na Justiça, haverá uma multa de R$ 100 mil para cada dia que não seja cumprida da paralisação.

Esta já é a segunda vez que o MP pede a paralisação das obras. Em junho deste ano, uma vistoria constatou irregularidades nas questões de segurança do trabalho, mas a Justiça negou o protocolo que pediam que o trabalho no local parasse.

Desta vez, porém, a situação é diferente. Neste sábado, o operário Marcleudo de Melo Ferreira, de 22 anos, morreu após cair de uma altura de 35 metros enquanto trabalhava na instalação de refletores. Menos de dez horas depois, José Antônio da Silva Nascimento, de 49 anos, operário do Centro de Convenções, uma obra complementar no complexo da Arena, sofreu um infarto e também morreu.

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: