Apadrinhando empreiteira

A deputada Fátima Pelaes, do Amapá, está novamente envolvida em escândalo. Com a prisão do superintendente da Funasa, Roberto Galvão, foi possível identificar que houve o desvio de pelo menos R$ 12 milhões de recursos que deveriam ter feito saneamento básico e tratamento de água nas cidades de Laranjal do Jari e Oiapoque.

A construtora responsável pelas obras era a ABO Construções Ltda, que teria sido indicada pela deputada Fátima Pelaes que também havia sido madrinha dela em outras obras no Governo de Camilo Capiberibe.


About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: