Acusado de golpe da pirâmide é candidato a deputado federal


Acusado de golpe da pirâmide é candidato a deputado federal

gazetaonline – Ao registrar candidatura, Carlos Costa disse ter R$ 13 milhões em bens, que estão bloqueados pela Justiça.
Acusado de ser coautor de um dos maiores golpes de pirâmide financeira da história, o empresário Carlos Roberto Costa, diretor e sócio da capixaba Ympactus Comercial, a Telexfree brasileira, é candidato ao cargo de deputado federal pelo Partido Republicano Progressista (PRP).

Costa, que é alvo de uma ação civil pública no Acre e de um inquérito criminal no Espírito Santo por crime contra a economia popular, declarou ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE) ter mais de R$ 13,5 milhões em patrimônio. Com isso, ele é um dos candidatos mais ricos desta disputa eleitoral. Não consta na Justiça Eleitoral quanto ele pretende gastar nestas eleições.

Nos Estados Unidos, ele é apontado como o idealizador da fraude que ultrapassou fronteiras e pode ter movimentado US$ 1,2 bilhão (cerca de R$ 3 bilhões).
Os bens com valores mais altos são da participação societária na VoxBras (Simternet Tecnologia da Informação LTDA) de R$ 2 milhões. A empresa, que é de Cachoeiro de Itapemirim, atua no setor de telecomunicações e foi comprada pela Ympactus meses antes do bloqueio da Telexfree no Brasil. Ele também declarou ao TRE ter pegado um empréstimo com a filha Letícia Costa, de 20 anos, estudante de Direito, no valor de R$ 1,5 milhão.
Parte dos bens declarados por Costa foram considerados indisponíveis pela Justiça do Acre, em junho do ano passado, e não podem ser desfeitos nem vendidos. Dinheiro, imóveis e fundos de investimentos foram sequestrados para pagar vítimas da Telexfree, estimadas em mais de um milhão de pessoas, caso seja comprovado que a empresa atuava de maneira fraudulenta.
Além dos bens congelados, Costa, em maio deste ano, teve dois carros penhorados por um juiz de Cariacica para pagar associados da empresa que entraram com ações individuais, pedindo a devolução do dinheiro aplicado na Telexfree. Os automóveis são um Kia Soreteo, de R$ 132 mil, e uma Mercedes Benz de R$ 219 mil. Caso o empresário não quite as dívidas, os veículos serão
leiloados.


http://dedecamilosantoantonio.blogspot.com.br/2014/07/acusado-de-golpe-da-piramide-e.html

About A Politica e o Poder

%d blogueiros gostam disto: