A censura macabra do WhatsAPP pelo Marco Civil da Internet

A onda sombria do Marco Civil da internet gera seu primeiro efeito real na vida dos brasileiros. Veio com a decisão do juiz Luis Moura Correia do Piauí, que proibiu o uso do aplicativo WhatsAPP no Brasil.

A justificativa do magistrado se deve ao fato do WhatsAPP ter negado a quebra de sigilo de dados para a justiça brasileira.

Em um trecho da decisão, o juiz detalhou: “…garantir a suspensão do tráfego de informações de coleta, armazenamento, guarda e tratamento de registro de dados pessoais ou de comunicações entre usuários do serviço e servidores de aplicação de troca de mensagens plataforma, denominada WhatsApp, em território nacional”.

A proposta dele é que as operadoras de celular bloqueiem o aplicativo.

Na minha opinião o magistrado foi prépotente pois prejudicou diretamente os interesses coletivos. Ele transparece bem o perfil do judiciário brasileiro. Meio perdido, pegando casos isolados e transformando em regra. É a censura abusiva, retrato da tirania política instalada.

Vivemos a era da informação e o judiciário dificilmente conseguirá acompanhar a velocidade das evoluções tecnológicas. É fácil encontrar soluções alternativas para comunicação com mensagens instantâneas como o app Telegram, Supervpn  que podem ser baixados no celular e o WATSAPP WEB que pode ser acessado pelo endereço eletrônico web.whatsapp.com .

A censura irá falhar e também falhou em países como a China e Coreia do Norte, quando foi disponibilizado pelo Google internet via satélite. Hoje a China fatura bilhões com o uso da internet para comercialização de seus produtos e se destaca no mercado global demonstrando que aderir essa onda é mais rentável do que nadar contra a corrente.

por Darlei Silva

http://www.darleisilva.com.br/a-censura-macabra-do-whatsapp-pelo-marco-civil-da-internet/CENCURA

About Germano Guedes

Olá Pessoal, Sou Germano Guedes, criador do site “a politica e o poder”. Baiano, morador da Estrutural desde 99, cheguei a Capital Federal para tentar a vida como milhares de outras pessoas. Ao chegar na Estrutural, começei a participar de discussões que visavam a melhoria da qualidade de vida na Cidade. Vi que alguns grupos já formados, ” monopolizavam” os moradores e inclusive, a informação que chegava até a comunidade. Nessa condição, resolvi criar um blog – meio que possibilitaria levar informação as pessoas. Neste canal, soltei o verbo e começei a dizer o que eu realmente pensava sobre o que acontecia na Estrutural. Abordei vários assuntos polêmicos, revelei notícias “bombas” e muitas vezes, tive que desmascarar grupos organizados que não pensavam no interesse da população – como diz o ditado ” era só venha a nós” e a população que se vire. Como Prefeito Comunitário pude participar mais ativamente das ações políticas que discutiam a Estrutural. Lixão, instalação de creches, reabertura de escolas e a regularização de alvará dos comerciantes eram algumas de nossas reivindicações. No ano de 2014, fui indicado pelo meu Partido – PRB – a vaga de administrador da Cidade. Continuo abastecendo o site com notícias e assuntos polêmicos, dizendo realmente o que penso. Porém, agora somos uma equipe e ” A Política e o Poder”, além de abordar assuntos correlatos à Estrutural, terá uma discussão voltada para todo o Distrito Federal, garantido informação e notícias exclusivas a todos os brasilienses que nos acompanham.
%d blogueiros gostam disto: